Vida após a morte será tema de dissertação na PUC de São Paulo
2009-04-08 18:06:35

Manoel Fernandes Neto

O assunto não tem nada a ver com religião, apesar de falar de vida após a morte. Sonia Rinaldi há mais de 20 anos pesquisa o assunto e prepara-se para um desafio hercúleo: levar para um ambiente totalmente cético algo que comumente é tratado com crença. Ela vai defender, a partir deste ano, uma tese de mestrado na PUC – Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, intitulada “Transcomunicação: Interconectividade entre Múltiplas Realidades e a Convergência de Ciências para a Comprovação Científica da Comunicabilidade Interplanos”, com a qual pretende comprovar que após a morte do corpo físico a consciência sobrevive.

Essa consciência, segundo Sonia, classificada de vários nomes, mantém sua individualidade, história, aquisições morais e intelectuais, além de ter capacidade de comunicação com o mundo da matéria. Atualmente, como uma das coordenadoras do Instituto de Pesquisas Avançadas em Transcomunicação Instrumental, Sonia passa seus dias conectando aparelhos de gravação de áudio e vídeo, buscando contato com o que convencionamos chamar de “o outro lado da vida”.

Para a pesquisadora, o fato deste tipo de abordagem adentrar o mundo acadêmico é uma conquista que só será percebida no futuro, mas que trará benefícios para toda a Humanidade: “É chegada a hora de sair da infância e encarar a realidade da nossa evolução contínua.”, diz Sonia.

Acompanhe a entrevista exclusiva concedida por Sonia Rinaldi ao editor da NovaE.

 

C&MM Interativa Administra a NovaE na Internet
Conteúdo para Web, redes sociais, projetos para profissionais liberais, projetos editoriais para empresas, organizações e sociedades.
www.cmminterativa.com.br

Após 20 anos de pesquisa, como a ciência clássica, baseada em conceitos da matéria, vem encarando o seu trabalho?
A Ciência, de forma ampla, está longe de se interessar. Uns tantos cientistas mundo a fora vêm trabalhando no sentido de documentar a realidade da sobrevivência após a morte. Porém, quer nos parecer que nenhum fenômeno é mais concreto - e, portanto, suscetível de toda sorte de análises e investigação, como requer a Ciência -do que a Transcomunicação Instrumental – ou seja, a comunicação com o Outro Lado da Vida através de gravações em computador e vídeo. Este ano de 2009 traz uma nova rota para nossa pesquisa, pois inicio Mestrado na PUC – Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, justamente para levar a Transcomunicação ao meio acadêmico, coisa que jamais ocorreu na História. Veremos, daqui a uns anos, o que teremos conseguido.

Como foi o processo de aprovação de sua tese de mestrado, sobre este assunto tão avesso ao mundo acadêmico?
Chegaram a me chamar na PUC para eu mudar minha tese, mas não aceitei. Tenho premência em conduzir a pesquisa conforme a proposta, pois minha tese não será simples – propus uma mega-tese multidisciplinar, pois já considerei o fato de que eu, sozinha, seria inapta para comprovar qualquer coisa. Propus a participação de engenheiros, físicos e matemáticos – todos com doutorado, para que sejam eles que avaliem, dentro dos parâmetros requeridos pela Ciência, que o fenômeno é real. A minha parte é levantar a ocorrência do fenômeno – a deles será endossar a autenticidade e – dentro das possibilidades –, tentar explicá-lo.

Quem serão os maiores beneficiados com a comprovação científica da sobrevivência após a morte?
A meu ver, a própria Humanidade, que deixará de se enganar. É como se fosse chegada a hora de sair da infância e encarar a realidade da nossa evolução contínua.

Você pode explicar aos nossos leitores, em sua maioria, leiga neste assunto, o que seria a hipótese "sobrevivencialista" em contraposição à hipótese "psi"?
Quem é a favor da sobrevivência após a morte vê a coisa como sendo o ser humano composto de um corpo e uma alma, ou espírito. Na morte do corpo físico, esse espírito ou consciência, prosseguiria na jornada. Esse é o ponto de vista dos espiritualistas. Já uns tantos parapsicólogos acham que os fenômenos paranormais não são resultado de uma intervenção espiritual, mas sim, produto da própria mente de quem produz o fenômeno. No caso da Transcomunicação, exaustivamente essa segunda hipótese fica descartada, por uma série de fatores que não arrolaremos para não nos estendermos. Mas sumarizamos dizendo que as Vozes que gravamos falam de coisas que ninguém sabia, dão nomes de pessoas, cidades de origem, etc., que o transcomunicador nunca ouviu falar. Filhos falecidos mencionam peculiaridades que só a família sabe, etc. Não há a menor possibilidade de ser produto da mente de alguém. Necessariamente, os contatos mostram que estamos em contato com seres que já partiram.

Como são realizadas suas experiências de gravação? Qual é sua rotina de pesquisadora?
Agora, com o Mestrado, tudo girará em função disso, e as gravações serão feitas para que os cientistas que participarão da tese possam ter mais e mais elementos de estudo. Fora disso, vou continuar dando uma aula por mês de como gravar para as pessoas interessadas.

Nos workshops realizados por você, como as pessoas têm reagido ao contato com entes que se foram? Na mesma linha desta questão, a saudade e a necessidade de um contato não podem prejudicar uma análise racional?
Em todos os cursos (workshops) que damos, todos obtêm resultados de seus falecidos e aprendem a gravar. Não há como comprometer a interpretação, porque, ou a resposta está lá ou não está. Nossas gravações há anos são bem claras... não deixam margem de dúvida ou permita dúbia interpretação. Se a gravação/resposta não for clara, será descartada.

Quando se fala em vida após a morte, as pessoas fazem logo uma conexão com religião, que, no sentido clássico, vai na contramão da pesquisa científica. Como você lida com isto?
Religião que se esconde atrás de dogmas e não respeita a lógica deve estar com os dias contados. A globalização e o avanço tecnológico despertaram a racionalidade, e a visão setorizada tende a mudar. Ou algo é "verdade" ou não merece crédito. E tudo que é "verdade" tem que ser passível de análise e investigação. Há de chegar o tempo em que o ser humano dispensará supostas leis divinas, sejam lá quais forem, que não passem pelo crivo da lógica racional.

Considerando a hipótese sobrevivencialista, quais as diferenças deste contato em relação à psicografia, já que as gravações captam pequenas frases, às vezes com uma estrutura gramatical inversa, bem diferente dos livros mediúnicos, que são verdadeiros tratados, romances, com estruturas complexas...
A diferença fica por conta de que tudo que não pode ser matematicamente investigado, fica excluído do interesse da Ciência. Até hoje, centenas de médiuns têm dado importante contribuição no sentido filosófico e social; porém, fica fora da possibilidade da comprovação da realidade disso. Já no caso da Transcomunicação, qualquer "alô!" vem com um peso incontestável diante dos olhos de um cientista. Por isso, penso que a Transcomunicação Instrumental é o veiculo mais poderoso para comprovar que se vive depois da morte, além, claro, de levar consolo a milhares de pessoas que sofrem com a perda de alguém querido.

 

Evento:

Palestra “Transcomunicação Instrumental”, com Sonia Rinaldi
Local: Fundação Cultural de Blumenau
Rua 15 Novembro, 161 - CENTRO
Blumenau - SC
Dia: 30.04.2009
Horário: das 19h00 às 22h. 







Este espaço é mediado, sua mensagem será liberada após a leitura da NovaE

Nome:
E-mail(Não será publicado):
Manifeste-se:
Código:
Digite o código:


*daniela*
Inserido em: 2011-01-21 20:21:24

oi eu nao duvido porque axo que nao é possivel nascermos e depois morremos...e dai nao tem mais nada pra fazer?essa axo q é a pergunta mais certa,,,axo que todos tem essa duvida,,,eu perdi meu filhinho de 5anos e meio em acidente de transito só foi ele estavamos nos 4 a familia impressionante só foi ele ,,,eu amo demais ele era muito querido,,,eu fico todos os dias pensando se vou conseguir uma resposta uma manifestação sobre isso sobre esse acontecido dolorido,,,doi demais parece uma ferida entre o peito ....eu gostaria de ir nesse wokshop ,,,para ter algo para esclarecer,,,mas sou do parana ,,,se puderem me responde sobre isso serei muito grata....obrigada....


*marcos firmino*
Inserido em: 2010-11-28 12:48:42

sou adepto a vida pos morte e acredito na reencarnação.
mas minha duvida é :sobre pscografia, mediunidade. uma ves que acredito que: morrendo, é estar vivendo em sonho profundo em outra dimensão de imagens atraves dos sonhos., que quando se abrir os olhos da mente, já estara neste momento reencarnado o espirito, em outro recen nacido. resumindo, morre, emtra no mundo de sonhos e acorda em outra criança. se ve que não da tempo a comunicarsse com nos daqui da terra .


*José Orlando Alvarenga*
Inserido em: 2010-09-04 20:45:11

Dra. Sonia.
Não existe vida sem morte, como não existe morte sem vida. S.M.J., este é o grande entendimento. Gostaria de saber o nome do livro da Doutora que trata do assunto.
É vida após a morte. Como comprá-lo. Parabenizo-a pelo brilhante trabalho, que tem uma dimensão espiritual incomensurável.


*nahara pereira de oliveira*
Inserido em: 2010-08-25 20:56:42

È necesário que alguém possa fazer algo no sentido de propagar a existência de vida pós morte, isso é algo que aflinge toda a humanidade,pois a maioria não sabe lidar com o mundo invisivel.


*NILSE MARTINS RODRIGUES SIMÃO*
Inserido em: 2010-06-29 09:16:14

Boa tarde, meu nome é Nilse Martins, sou editora de variedades do jornal GAZETA DE UBERLÂNDIA, na cidade de Uberlândia/MG. Li a entrevista da pesquisadora Sônia Rinaldi, coordenadora da ANT, Associação Nacional de Transcomunicadores, e do IPATI e gostaria, se possível, que me enviassem, através de meu e-mail ou do jornal, o contato dela, para troca de informações e/ou entrevista para a Gazeta de Uberlândia, da rádio e TV Colunas do Triângulo (da Fundação Maçônica Manoel dos Santos), aqui em minha cidade. Aguardo contato. Nilse Martins/ e-mail da redação: gazetauberlandia@yahoo.com.br (fone: 034-3231-8050).


*analuizacamargo*
Inserido em: 2010-05-10 20:55:30

o que e avida aposamorte


*José Ribamar Santos*
Inserido em: 2010-04-29 13:22:31

Boa tarde prezados amigos, me chamo José Ribamar Santos Jr. coordeno o Instituto Paraense de Transcomunicação Instrumental, e preciso muito de contactar pessoalmente com a pesquisadora Sônia Rinaldi, coordenadora da ANT, Associação Nacional de Transcomunicadores, e do IPATI.
não consegui através do site dela, telefone ou e-mail, pois se faz necessário e urgente um contato, para troca de informações , como a Nova Era teve contato para entrevista, e também para ver possibilidade de uma palestra e work shop em Belém, poderiam nos ajudar informando fone para contato e e-amil da pesquisadora Sônia Rinaldi?


*marcelo rangel*
Inserido em: 2010-04-25 20:30:24

quero receber somente artigos cientificos sobre o assunto vida apos a morte.


*EDUARDO QUEIROZ DE SOUZA*
Inserido em: 2010-03-20 18:01:10

Eu não entendo os cientista mas eu sei que tem muito have com religiaõ como é que a questão de Deus pode ser descartada é impossivel os cientista sempre quiseram ser mais que Deus mas eles so estão subertimando o pode dele como é que uma maquina poder criar o mundo saber maquina tem defeito mas Deus nâo já ouvi falar que poder abrir um mini buraco negro eles disseram que era mentira mas eu acho que eles investiram tanto dinheiro que estão com medo de adimit que isso pode acontece acredite eu estou a solta e sou contra OBRIGADO POR LER MORO EM MATO GROSSO NA PEQUENA CIDADE DE PONTES E LACERDA


*aline*
Inserido em: 2010-03-14 12:07:48

eu não entendo os cientistas, mais fico feliz, porque estão em busca de algo fantastico...que vcs possam ter toda certeza de que Deus vive.. nos tambem viveremos no plano espiritual e encontraremos nossos entes queridos la..SO queria deixar aqui que procurem na Biblia as respostas para suas teorias... pois por mais dificil que ela possa parecer,para entender .pode ter certeza de que vão achar o que procura.. eu gostaria de ver e ouvir meu esposo que faleceu, ja se passaram seis meses e quatro dias e eu sou média auditiva e vejo tambem mais não o vi..e estou com muitas saudades mais sei que Deus com sua infinita graça..deixara ve-lo quando eu estiver preparada.. como podemos adquirir esse workshops? obrigado. que Deus os abençoe..


*Deana Maria de Oliveira Pontual*
Inserido em: 2010-02-19 15:13:59

Apesar de não saber nada do ponto de vista científico, me interesso muito pelo assunto. Gostaria de entender como acontecem estas gravações e quem sabe um dia obter a graça de conseguir uma comunicação com meu filho querido. Pelo que entendi na entrevista, a senhora promove workshops sobre a questão. Se eles ocorrem regularmente, existe uma programação? Quando está para ocorrer o próximo e quais são as condições de participação?

Por favor me responda.

Obrigada,

Deana




*claudia aparecida dotti*
Inserido em: 2009-12-31 00:25:11

perdi minha mãe em 03 de agosto deste ano.morro de saudades e gostaria de saber como ela está, pois morreu de parkinson,foi horrível fiquei traumatizada,em 48 dias ela foi perdendo os movimentos, nas fraldas não caminhava apenas mexia o pescoço e posteriormente não engolia mais nada,foi uma tortura psicológica, depois ficou em coma 11 dias,foi horrível ver a pessoa que amo ir dessa maneira,e queria entender por que teve que sofrer se foi tão boa.por favor dra sonia me ajude.abraço.claudia,curitibanos sc.


*Benedito*
Inserido em: 2009-12-27 23:31:34

Dra Sonia , entendo seu estudo , e gostaria de uma resposta, voce apenas quer provar cientificamente que existe vida pós morte , ou que trazer ao conhecimento do publico como funciona todas estas dimensões?
è fácil mostrar que a vida continua em outras dimensões, vemos isto todo dia quando acordamos com lembranças do passado, o problema é de aceitar esta suposição, preferimos manter a realidade do raciocinio ,cada qual com seu conceito e dogmas,porem não se indiponha com a verdade da matéria.
Nessas transmissões a que se tomar cuidado com o que existe do outro lado, comunicações desta natureza deve-se respaldar em pessoas sapientes e conhecedoras destas manifestações.
Imagine voce discar um numero de telefone desconhecido, sabe-se com quem irá falar??!!!
Te peço muito cuidado, pois sua pesquiza é bastante valida e além dos conceitos materialistas, torço por ela , e acho muito progressista,
Que os mentores espirutuais possam intercederem em sua logica e trazer resulatdos muitois positivos em seus estudos.
Mus parabéns, voce merece mesmo.
Fote abraço.



*Benedito*
Inserido em: 2009-12-27 23:04:42

Sou Engenheiro de Telecomunicações, acredito na vida pós morte , amo esta realidade , e acho que nossa pátria esta lá, depois que voltamos podemos analizar o Universo de forma coerente.
Sei que todos estarão por lá, sem os vicios que a matéria nos obriga a enfrentar e por muitas vezes aceitar,tais como dinheiro,cobiça,sexo, vaidade,etc..
Quem não se desliga pemanece por aqui assombrando a dimensão da matéria.
E assim vai, vamos nessa, adoro esse jogo que nos a Deus.
Abraços.


*veraluciasalazar*
Inserido em: 2009-11-27 20:11:45


Como é bom saber que você quebrou preconceitos e segue
decidida e corajosamente no seu empenho nos esclarecendo
questões tão nebulosas para a compreensão humana.

Sua prima VELINHA Hoje Sra.Vera Lucia Bellido Barba
Salazar


*solangemaria*
Inserido em: 2009-11-09 23:49:29

As veses tenho a nitida impresão de que isso é verdade que ficamos sim concientes após a morte sou muito sencitiva acho que tudo é possivel nessa vida e além dela. muito embora nada tenha sido provado. JA MENTALIZEI EU MESMA APÓS A MORTE VENDO TUDO E ESCUTANDO ASSISTINDO A TUDO SEMPRE PRESENTE MAIS SEM CLARO NINGUEM PODER ME VER E PELA MINHA VEZ TENTANDO FAZER COM QUE ALGUEM ME NOTASSE POXA! SE ISSO ACONTECE MESMO COMO EU PENSO É FANTÁSTICO É O FIM DO SOFRIMENTO PRA TODA HUMANIDADE MAIS AO MESMO TEMPO RECEIO QUE ISSO Ñ ESTEJA CERTO POIS É COMO DA UM SOCO NO ESCURO É COMO SE HOUVESSE UM IMPEDIMENTO UMA PONTE INTRANSPONIVEL NO UNIVERSO QUE NOS IMPEDISSE DE IR MAIS ALÉM E AI EU DEIXO PRA VOCES QUE DEFENDEM ESSA TESE TODO MEU RESPEITO.


*sergio*
Inserido em: 2009-11-09 15:09:16

tenho vinte e sete anos de psicologia clínica(conforme currívulum em www.sergiopsicologo.com) e trinta e dois de espiritismo. também pretendo fazer estudos sobre sobrevivência x paranormalidade. não acho que transcomunicação resolve a questão por que se o inconsciente pode ser tão poderoso a ponto de influenciar a matéria; por que ele não poderia consultar dados nas mentes de pessoas vivas? quem gerencia uma gravação por influenciação mental pode ter buscado por clarividência a mensagem básica. em todo caso desejo boa sorte.


*Raimundo Fernandes*
Inserido em: 2009-10-27 12:40:42

Muito legal esse tema para ser discutido no meio acadêmico Sonia. Perdir minha mãe em julho de 2009, ela estava com 80 anos e muito doente. Constantemente eu tenho sonhado com ela, no sonho ela aparece saudavel e mais nova. Gostaria de saber se a tua tese também enfoca o contato de pessoas falecidas através de sonho ?


*Gerson Barboza Mambrim*
Inserido em: 2009-10-11 15:39:24


Sônia, em todas manifestações que eu li nenhuma foi contra todas são favoráveis . . . Por favor coloque a minha opinião.


*Gerson Barboza Mambrim*
Inserido em: 2009-10-11 15:32:41


Como fica o Evangelho? Em Dt. 18, 10-12 proibe muitas e muitas coisas entre elas a comunicação com espíritos, ou seja coisas que Deus abomina. Será que o Evangelho (AT) é prá gente duvidar Ele é uma mentira? A ciência é para servir o ser humano, legal, mas se a mesma começar a colocar em cheque o poder do Criador, eu prefiro ser um ser do passado, atrasado, e continuar pensar que o meu Espírito Santo vai voltar para o meu Criador e não ficar vagando por ai em gravações. inté +


*Silvia Monfrinatti*
Inserido em: 2009-10-05 09:32:22

Gostaria muito de informações a respito dos Workshopda Sonia.
Resido em São Paulo e quero saber quando ela fará um work em Sampa.

Acredito em vida apo´s a morte e gostaria de me aprofundar no tema.

Agradeço antecipadamente.

Silvia


*sueli lourdes pereira greco*
Inserido em: 2009-10-02 16:13:53

tenho perguntas e sem resposta tem certo tempo que a minha vida vai bem ao passar 4anos vira tudo do aveso como ara mim meu irmão nada da certo tenho procurado resposta mas não encontro fico ate mesmo no coputador tentando achar uma resposta o porque de tudo isto


*Isabél Marin Errera*
Inserido em: 2009-10-01 22:18:13

Um grande avanço, realmente é preciso sair da infância espiritual e encarar a realidade da evoluçaõ continua.
Aplausos a Sonia Rinald, a humanidade precisa passar pelo crivo da racionalidade.
Parabéns a Sonia pos sua persevarança e ousadia, tenho certaza que a colheita será farta......


*sara molina*
Inserido em: 2009-09-30 15:07:22

muito bom! adorei é verdade, concordo com vc as religiões estão com os dias contados pois Deus não é patrimonmio de nenhuma delas e não importa a crença ou a descrença de alguem, as coisas existem acreditemos ou não nelas e contra fatos ninguem pode.
confesso que sou um pouco cética justamente por nunca ter encontrado em religião nenhuma algo lógico e justo.
na minha opinião Deus é algo que foge a nossa medilcre compreensão, pois como disse o sabio Albert Einstem ( não posso conceber a imagem de um Deus que venha a castigar e recompensar o objeto de sua criação)
parabens tomara que consigam provar mesmo, pois que sentido tem a vida o trabalho, o amor a fé, a dedicação do ser humano em aprender evoluir se tudo se acaba com a morte?
um abraço


*Werter*
Inserido em: 2009-09-28 08:03:25

Prezada Sonia,

Gostaria de obter maiores informações de seus cursos e palestras. E se faz fora de seu eixo, por exemplo, Viçiosa/MG.

No aguardo, e sucesso em seus estudos.
Cordialmente,

Werter
wvmoraes@hotmail.com
skipe:carpedien14


*maria cristina*
Inserido em: 2009-09-24 20:38:43

como é bom saber que alguém no mundo se interessa em desvendar este mistério '' a morte'' .tem que acontecer sim, e torço para que ela possa comprovar as suas experiEncias, tá na hora da humanidade saber a verdade, pois avançamos muito, mas em relação a morte ainda estamos na pré história, quero saber de cursos e quando e onde ela dará a palestra pois só a sabedoria podera iluminar a vida de quem perdeu um ente querido.
parabéns


*Rafael*
Inserido em: 2009-09-17 02:00:04

Olha isso!



*Eduardo Audelino Corrêa*
Inserido em: 2009-09-14 17:16:30

A tese não poderia ser melhor. Precisamos muito de informações sem preconceito. GOSTARIA muito de saber como são feitas as gravações. Onde podemos aprender? Isto esclareceria de vez a sobrevivência do espírito, que para mim já é bem clara. Muito Obrigado.


*Filipe*
Inserido em: 2009-09-04 17:18:28

"A morte é fato, portanto deve ser objeto de estudo CIENTÍFICO; espantoso é o mundo acadêmico onde aqueles que devem ser os primeiros a se interessar, são os primeiros a se afastar; a morte é fato e sempre existiu, portanto constitue um dos fenômenos mais naturais; se para enxergar micropartículas é necessário utilizar um microscópio, porque não gravações para captar o fenômeno em questão?; SE OS HOMENS SÓ FALASSEM DO QUE SABEM, QUASE NÃO FALARIAM". Parabéns por se interessar em tal assunto e procurar contribuir com a humanidade.


*Edemir Ramos*
Inserido em: 2009-09-01 15:32:33

Quero lhe parabenizar Sonia Rinaldi por este trabalho maravilhoso,te desejo muito sucesso na apresentação desta sua tese. (TRANSCOMUNICAÇÃO). Acredito eu, que um dia será um assunto tratado nas universidades sem nenhuma barreira... um grande abraço...


*Jonas Carvalho*
Inserido em: 2009-08-28 18:18:39

OIêêê....
Adorei a audacia dessa Senhora na pesquisa dessa materia tão disrrespeitada por entre tantos milhões de pessoas que não caracteriza o valor da vida da comunicação e dos efeitos após a morte, ... Vejo com uma bravura imensa dessa Senhora (Sonia Rinaldi) com sua tese..defendendo e pondo em pratica uma outra meneira a que diferencia a sua capacitação e evolução pelas pesquisas por ela feita e concluida de maneira relevante ao ponto de chegar a provar a sua tão efeciente pesquisa.. Parabens Senhora vá em frente...


*jose geraldo hugatt*
Inserido em: 2009-08-11 18:34:00

Gostaria de saber como anda a discussão da tese da pesquisadora Sonia Rinaldi sobre Vida após a morte. O assunto e muito interessante e demanda muita coragem para falar sobre isso no meio acadêmico, onde, infelizmente, as pessoas não querem ver. E pensar que que o cientista é acima de tudo um curioso!


*edite*
Inserido em: 2009-08-07 21:22:58

tenho uma irmão eplética mas que passou por uma cirugia. mas que ainda sofre as crises. eu gostária de saber se poder ser um espirito que , vem pra .........
obriga. e parabens por sua coragem de investir em algo tão misteriso.


*Renata Jaber*
Inserido em: 2009-08-06 19:41:46

Como a lei é do progresso, sabemos que é inevitável a ciência e a religião passarem a convergir em seus conceitos. Para tanto, de fato, é necessário que eliminemos conceitos ilógicos que alguns dogmas religiosos formularam ao longo dos séculos. São chegados os tempos da fé raciocinada! Interesso-me por tudo que, antes tratado como mero assunto religioso, a ciência vem comprovar, tais como: pensamentos que adoecem ou curam, oração como fonte de energia e, agora, a vida após a morte. Por isso, gostaria muito de ter acesso à tese. Ela foi publicada ou teria algum outro meio de Lê-la?


*Constâncio Fonseca*
Inserido em: 2009-08-06 18:04:31

Parabéns Dra. Sônia Rinaldi.
Sou espírita e fico bastante satisfeito em saber do seu trabalho. Peço a Deus que a inspire e a proteja. Desejo-lhe absoluto sucesso em seu empreendimento.
Forte abraço.
Constâncio Pinheiro da Fonseca - Salvador (BA)


*Normeli Vivian*
Inserido em: 2009-08-02 22:39:53

DRA. Continue suas pesquisas,perdi munha mãe em maio de 2009, sensações ou estados emocionais nestes momentos só alguns a psique pode explicar,porém muitos ficam sem explicação. O que eu mais gostaria de saber e se a pessoa que morreu sofre por não estar perto de seus queridos? estou aberta para colaborar. sou professora de geografia. OBS sou a mais sensitiva da família, e a mais lógica.


*Tereza Cordeiro Azevedo Gatto*
Inserido em: 2009-07-25 09:39:07

GOSTARIA DE TOMAR CIÊNCIA DAS TECNICAS DE GRAVAÇÕES(APRENDER A GRAVAR).EM QUE LUGAR EU POSSO CONSEGUIR INFORMAÇOES A RESPEITO? ALGUEM PODERIA ME AJUDAR?


*Tereza Cordeiro Azevedo Gatto*
Inserido em: 2009-07-25 09:27:51

preciso saber seu E-mail,DRA sonia pois estou muito triste perdi o meu pai no dia 05 de julho de 2009, e sinto que ele me visita com frequencia, pois sinto o seu cheiro e gostaria de ouvi-lo e vê-lo. vendo a sua reportagem sinto que o meu desejo poderá se realizar.GOSTARIA DE TOMAR CIÊNCIA DAS TECNICAS DE GRAVAÇÕES(APRENDER A GRAVAR).EM QUE LUGAR EU POSSO CONSEGUIR INFORMAÇÕES A RESPEITO?ALGUEM PODERIA ME AJUDAR?


*MARIO FONTES*
Inserido em: 2009-07-22 18:35:33

Sou Engenheiro Eletronico e tenho 3 pós-graduações sendo 2 na area de telecomunicação e um Mestrado não concluido e trabalho no setor a cerca de 20 anos.
Inesperadamente gravei vozes cuja hipotese mais provavel só pode ser de origem espiritual, uma vez travava um aconselhamento inteligente comigo.
Deixo meu testemunho pessoal que o fenomeno é real. Apesar de na minha pouca experiencia, crer que na metodologia cientifica atual é dificil de ser enquadrado quero deixar meu apoio aos que se esforçam em tirar este preconceito dos meios academicos.



*juliana chimenti ventura ribeiro *
Inserido em: 2009-07-19 23:56:07

quero saber mais sobre vida apos morte , se tiver algo novo me mande por favor pois e uma coisa que preciso saber, algo pessoal ,,,


*Sônia Soares*
Inserido em: 2009-07-14 17:19:38

Não entendo muito sobre o assunto, mas sempre acreditei que somos mais que um "corpo". Perdi meus pais há alguns anos, mas sei que ainda estão entre nós, pois sinto a presença deles muito forte.
Parabéns e boa sorte.




*Renato Argolo*
Inserido em: 2009-07-13 09:24:53

As verdades naturais não podem ser negadas por muito tempo, a ciência dá conta de revelá-las e prová-las. Foi assim com o movimento da terra em volta do sol, com a antecedência da existência do homem em relação a Adão e Eva, com a eletricidade, o magnetismo, a genética, etc, etc. Já conversei com meu irmão falecido e recebi uma visita silenciosa de minha Mãe.
Desejo sucesso, para a nobre cientista,para o progresso da humanidade.

Paz.


*jose orlando de alvarenga*
Inserido em: 2009-07-11 18:30:13

Dra. Sonia.
Parabéns pelo trabalho. Realmente o Criador, acredito eu, não iria permitir que o homem se extinguisse com a morte. A morte é nascimento. Nascimento para uma outra vida. A ilustre Dra., está de parabéns pelo trabalho que realiza, e por seus estudos sobre a questão.


*EZEQUIEL ATHAYDE*
Inserido em: 2009-07-05 17:11:06

OI GOSTARIA DE MANTER CONTATO POR EMAIL COM A DRA.SONIA RINALDI.


*lucia ianzini trentin*
Inserido em: 2009-07-04 15:35:19

Dra. Sonia: Siga em frente, você está entrando em um tema revolucionário para a maior parte da humanidade, mas quero dizer-lhe que acredito em você, na existência do espírito ligado ao corpo material, e que nós não fomos criados para vivermos e desaparecermos com a morte, pois somos a engenhoca mais perfeita que Deus criou. Tenho certeza de sua realidade, é possível sim, sua tese tem fundamento,a transcomunicação, esta irá trazer grandes benefícios a humanidade e principalmente à ciência que poderá encontrar a resposta por meio dos que já se foram da cura de certas doenças e também nos dizer como estão do lado de lado!
Parábens, que Deus está com você.


*Aparecida Vicente Pereira*
Inserido em: 2009-07-01 21:38:20

Parabéns!
Belo artigo!
Que seja um sucesso esse esclarecimento para a humanidade.



*Mauricio*
Inserido em: 2009-07-01 13:21:11

Boa tarde a todos. Gostaria de tomar ciência das técnicas de gravações (aprender a gravar). Em que lugar eu posso conseguir informações a respeito? Alguém poderia me ajudar?


*katia martins*
Inserido em: 2009-07-01 09:33:20

Acredito que a pesquisa seja de fundamental importancia p as grandes perguntas de todo ser humano. penso que so pela iniciativa
ja merece um aplauso.


*Ildeberto de Genova BUgatti*
Inserido em: 2009-06-30 19:22:57

Prezados Senhores

Parabenizo a revista pela matéria "Vida após a morte será tema de tese na PUC de São Paulo".

Parabenizo a pesquisadora e a PUC por apoiar e fomentar pesquisas na área.

Muito obrigao

Bugatti


*Euzice Bessa*
Inserido em: 2009-06-22 23:34:26

O assunto ¨TRANSCOMUNICAÇÂO ¨é de meu interesse , pois tenho convicção intima da vida apos amorte biologica. Mesmo considerando me encontrar nesta vida com a existencia trancada , ou seja , não tenho desenvolvido o parapsiquismo que me possibilitaria o contato lucido com outras dimensões ( seres extraficos ) .
Cmo me seria possivel fazer experimentos com a aparelhagem citada pela Sonia Rinaldi ? Poderia ter acesso a e-mail ou tel. de contato da Sonia ?
Atenciosamente ,
Euzice Bessa

Page of 2